Banner
Qual era a diferença entre ser livre ou escravo? E-mail
Escrito por João Rocha   

Imigrante suíço relata as dificuldades de trabalho no Brasil do século 19.

Em 1840, dez anos antes do fim do tráfico negreiro, o senador paulista Vergueiro já trazia europeus para substituir escravos. Sistema de parceria. O produto da venda do café era partido entre fazendeiro e colono.

Em 1855, suíços desembarcam em Santos para trabalhar na fazenda Ibicaba, de Vergueiro. Ficam em pátio de venda de escravos e sobem a Serra do Mar a pé. Na colônia, encontram condições adversas para plantar e injustiças no acerto de contas.

Liderados por Thomas Davatz, iniciam episódio conhecido como Revolta dos Colonos. Depois de meses, representantes suíços abrem inquérito. Em 9 de março de 1857, reivindicações são atendidas. Davatz é coagido a voltar para a Suíça.

Publica Memórias de um Colono no Brasil, primeiro livro de trabalhador sobre as condições dos imigrantes no País. Ganhou versão brasileira em 1941, com 84 anos de atraso.
fazenda
 

Adicionar comentário

Seus comentários serão moderados e assim que aprovados serão publicados no site.